Artigo 3: Reuniões Táticas

Qualquer Parceiro pode convocar uma “Reunião Tática” para auxiliar Parceiros em engajar-se nas suas responsabilidades e deveres. Além disso, o Secretário de cada Círculo é responsável por agendar Reuniões Táticas regulares para o Círculo.

3.1 Comparecimento

Para Reuniões Táticas regulares convocadas por um Secretário de Círculo, todos os Papéis do Círculo são convidados a menos que uma Política diga o contrário. Para outras Reuniões Táticas, o Parceiro que convoca a reunião deve especificar os Papéis convidados para essa reunião. Todos os Parceiros que servem como Líderes de Papéis desses Papéis são então convidados a comparecer e representar esses Papéis, a menos que o convocador limite o convite para incluir somente um subconjunto de Líderes de Papéis para um Papel.

3.2. Processo de Reunião

O Facilitador de um Círculo é responsável por facilitar as Reuniões Táticas regulares do Círculo, e o seu Secretário é responsável por captar e publicar os resultados das Reuniões Táticas. Para as Reuniões Táticas convocadas por alguém além do Secretário do Círculo, o Parceiro que convoca uma Reunião Tática deve facilitá-la e captar os seus resultados, ou nomear outro voluntário ou designar o Papel para fazer isso.

A menos que um Política diga o contrário, a pessoa que facilita a reunião deve usar o seguinte processo:

  1. Rodada de Check-in: Cada participante compartilha em uma rodada o seu estado atual ou oferece outro comentário de abertura para a reunião. Respostas não são permitidas.
  2. Revisão da Lista de Verificação: Cada participante verifica a conclusão das ações recorrentes que eles estão regularmente comunicando sobre os seus Papéis na reunião.
  3. Revisão de Métricas: Cada participante compartilha qualquer métrica que eles estão regularmente informando sobre os seus Papéis na reunião.
  4. Atualizações do Progresso: Cada participante frisa o progresso em qualquer Projeto ou outra iniciativa sobre a qual eles estão regularmente informando sobre os seus Papéis na reunião. Os Participantes podem somente compartilhar o progresso feito a partir de uma comunicação anterior, e não o status geral de qualquer trabalho.
  5. Construção da Pauta: Os Participantes constroem uma pauta dos itens a serem processados na reunião. Cada Participante pode acrescentar tantos itens à pauta quanto desejado fornecendo uma descrição curta para cada um, sem explicação ou discussão permitida. Os Participantes podem acrescentar mais itens à pauta depois desse passo, entre o processamento de qualquer item existente da pauta.
  6. Triagem de Itens: Para processar cada item da pauta, o proprietário do item da pauta pode fazer solicitações a outro participante, ou naquela capacidade geral do participante como Parceiro, ou para um Papel que o participante represente na reunião. Contudo, as solicitações a um Papel somente podem ser feitas no serviço de um Papel que o requerente represente na reunião. A pessoa que facilita a reunião administra o tempo permitido para cada item da pauta para permitir espaço para toda a pauta, e pode cortar o processamento de qualquer item após sua porção devida de tempo de reunião.
  7. Rodada de Fechamento: Cada participante em uma rodada  compartilha uma reflexão de fechamento a respeito da reunião. Respostas não são permitidas.

Uma Política de um Círculo pode especificar um processo alternativo ou emendar esse processo padrão para as Reuniões Táticas convocadas por qualquer um dos Papéis do Círculo.